segunda-feira, 18 de abril de 2011

Depois da tempestade...

Quanto tempo e quanta coisa aconteceu!

Já por ocasião de meu último post Chuvisquinho não estava muito bem: sem apetite, com uma ronqueirinha estranha. Achamos que pudesse ser pelos ou vermes; demos vermífugo e doses de azeite, mas não estava melhorando.

No dia 13 de março (aniversário da Tati) o grande susto: Kaia estava com uma espuminha na boca e, ao examinarmos Penny e Chivisquinho, também. Apenas Lindinha e Negresco desse grupinho que divide o mesmo espaço não apresentavam os sintomas. As hipóteses mais assustadoras passaram por nossa cabeça.

Tinha que ser domingo! Finalmente consegui contatar o vet por telefone e obtivemos algumas instruções de procedimentos preliminares.

Segunda-feira o vet veio a nossa casa. Negresco já apresentava os sintomas; apenas Lindinha mantinha-se normal. Pior, no gatil Fofinha (nossa mini-fera e anoréxica desde a primeira infância) começou a babar... Sempre rezamos para que não adoecesse, pois é praticamente "intratável". As boquinhas por dentro estavam vermelhas e feridas; Chuvisquinho, chegava a babar cor de rosa.

O vet colocou soro no Chuvisquinho que era o mais enfraquecido e que, com toda a sabedoria dos gatos, aceitou-o com muita tranquilidade. Aplicou também injeção de complexo vitamínico. Fofinha, como sempre, "impegável".

Tati e eu nos tornamos enfermeiras: aplicávamos as injeções de antibiótico diariamente em um número crescente de gatos (Jack e, logo após, Tchutchuca e Leozinho também apresentaram sintomas e pararam de se alimentar).

Necessitávamos alimentar com AD de seringuinha vários deles que não se alimentavam sozinhos.

Nesse meio tempo, Snow apresentou um problema (tipo artrite) nas perninhas traseiras e também parou de se alimentar: antibiótico e injeções de AD para ela também.

Durante a semana conseguimos aplicar uma injeção de antibiótico na Fofinha e, no sábado o vet conseguiu aplicar uma injeção de antibiótico e outra de complexo vitamínico nela. Comida, quase nada, um pouquinho de AD, quando deixava; cada dia ficava mais magra. Durante vários dias fui para o escritório angustiada, com medo de não encontrá-la ao retornar.

No final da primeira semana, após darmos umas gotas de Inflamene para aliviar os sintomas, notamos que secava a baba e, após uns dias, as boquinhas estavam normais e voltaram a se alimentar sozinhos. Conseguimos dar inclusive para Fofinha que começou a aceitar o AD de seringa e, aos poucos, voltou a se alimentar. Continuamos a manter o AD por mais um tempo, até recuperar um bocado do peso.

O vet nos falou depois que achava que ela não iria resistir.

O que tiveram nossos bichinhos? Alguma virose meio inexplicada, já que atingiu dois grupos que não têm contato entre si. Lindinha foi a única desses dois grupos que não apresentou sintoma algum.

Nesse meio tempo, Vit (é menino!) continuou a batalha com seu olhinho que chegou a crescer, ficando do tamanho de um pires: antibiótico oral e, por último, injetável, aplicável pelo vet quando vinha visitar os demais doentinhos. Melhorou bastante e, de resto, é forte, saudável, arteiro e lindo.

Quero registrar aqui nosso agradecimento ao Dr. Jorge, por todo seu empenho, dedicação e carinho com nossos filhotes; pelas inúmeras visitas e medicações.

Com muita alegria venho dizer que estamos todos bem!

Agradeço a todos que nos visitaram nesse período conturbado e, espero visitar em breve os novos e velhos amigos!

13 comentários:

^.^ Ana Clara ^.^ disse...

Gisa querida, que fase mais pesada vocês passaram, meu Deus. Imagino o tamanho de sua agonia, ao ver seus encantos assim tão debilitados. Graças ao bom doutor que cuidou com maestria de seus pequenos. Graças aos cuidados seus e de sua vigília.
Que melhorem a cada dia, reencontrando a alegria de viver.
Fiquem bem, uma Linda Semana Santa para todos vocês, carinhos Toca dos Gatos.

Claudia disse...

Que bom que tudo está melhor!
O vet. não tem ideia do que aconteceu com eles?
A gente fica super aflita, né?
Desejo tudo de bom pra toda a sua família!
bjs

Blog da Rutha disse...

Felizmente estão todos bem ! Mas imagino a angústia de ver os fofinhos doentes e sem saber ao certo o problema e se o tratamento ia funcionar. Eu sei o quanto é difícil medicar os gatos, eles fazem um drama terrível para tomar remédio !
Aproveitem o feriado para descansar, logo o frio chega e fica mais gostoso para dormir juntinhos.
Beijos
Laís

Milene disse...

Puxa, mas que susto devem ter passado! Fico contente de saber que tudo está melhor agora, graças aos cuidados que lhes dedicaram. Desejo que tenhas uma ótima semana.

Prosopopéias Cintilantes disse...

Gisa! Que bom que tudo está melhor por aí!
É tão difícil vê-los doentes...
Bjs
Stela e Petetecos

Repositório disse...

Nossa! Quanta coisa! E junto!
Que bom que tem um Dr. Jorge por aí que ajudou vocês!!!!
Agora tudo vai ficar bem!!!
Abraços

Gisa disse...

Oi Ana Clara! Obrigada querida. Foram dias de pesadelo, felizmente com final feliz. Ainda ontem vi Fofinha brincando no patiozinho deles e minha alegria foi enorme. Beijos mil para ti e os teus fofos aí da Toca!
Oi Claudia! Obrigada amiga. O vet diz que o número de viroses que um gato pode ter são infinitas. Ele estranhou o fato de animais que não tem acesso a telhados e rua a tenham pego, principalmente por ter atingido dois grupos que não tem contato entre si. Beijos mil para ti e todos os teus!
Oi Laís! Obrigada querida. Felizmente o pior já passou. O friozinho já está chegando aos poucos por aqui e é muito gostoso o aconchego noturno. O feriado será uma delícia! Beijos mil para todos vocês!
Oi Milene! Obrigada querida. O susto foi grande e o alívio, depois que tudo melhorou, maior ainda. Uma semana linda para ti e toda a tua família!
Oi Stela! Obrigada querida. Bichinhos não deviam sofrer, não é? Felizmente está tudo bem agora. Beijos mil para ti e os Petetecos!
Oi Marilia! Obrigada querida. Dr. Jorge foi um verdadeiro anjo para nossos nenês. Fora as inúmeras visitas, estava sempre ao meu alcance por telefone, dando orientações, tranquilizando. Tudo de bom para ti e os teus

Mirna disse...

Nooossa Gisa...que "rebuliço" aí hein??ainda bem que já passou, mas imagino o trabalhão cuidar de todo mundo ao mesmo tempo...
Sentimos falta de vcs!!!

Bjusss

Nikita disse...

Nossa Gisa!! Quanta coisa aconteceu, hein?? Ainda bem que as coisas melhoraram por ai. Que tudo fique ainda melhor.

Beijos e uma boa Páscoa pra vocês!!

Beijos, Néia e Nikita:)

Wayne, Rodrigo e nossos felinos: Lola, Lilica, Smigol e Preta disse...

Meu Deus, que coisa! Graças a vcs estão todos bem! Parabéns, fico muito feliz!;-)
Agora é só muuuuita saúde e alegria pra esse peludinhos qye resistiram bravamente!;-)

Bjaum

Regina disse...

Oi! Gostei bastante do que vc escreveu na " Clau novamente" e do pouco que pude ler no seu blog! Depois que eu voltar do trabalho leio mais... vamos ser amigas de blog? O meu é www.lechatgato@blogspot.com

Carol Liôa disse...

nossa amiga! o q sera q era isso? fiquei curiosa! mas q bom q melhoraram! aqui o Mião ainda ñ deu nenhum sinal.... bjs

Gisa disse...

Oi Mirna! Saudades de vocês! Vou passar lá para saber das novidades e ver o "nosso" Chips e as outras crianças. Beijos mil
Oi Néia e Nikita! Feliz Páscoa e ótimo feriados para vocês também! Beijos mil
Oi Wayne! Pois é menina, foi muito difícil, mas felizmente com final feliz. Um lindo feriado para todos vocês!
Oi Regina! Que bom; adorarei ser tua amiga de blog! Passarei lá para conhecer o teu. Beijos mil
Oi Carol! Nem o vet descobriu; foi um tipo de gengivite de origem, possivelmente, viral. Continuo na torcida pela volta do Mião. Sempre fui apaixonada por aquele fofo. Feliz Páscoa para todos vocês.