terça-feira, 14 de abril de 2009

Flocky

Passa logo fase ruim!!!!

Agora é nosso Floquinho. Começou de repente a esbarrar nas coisas; examinei os olhinhos: estavam com uma nuvem.

14/04/09
Ao vet: características de catarata; pediu um exame de sangue para um check up geral. Colheu sangue hoje pela manhã.
Resultado às 17:00 hs; entre vários índices fora de padrão uma observação que me fez gelar:

"Avaliação Plaquetaria: TROMBOCITOSE INTENSA"

Ligo para o vet: está em Pelotas (cidade vizinha); quem atendeu o telefone foi seu irmão, que também é vet e ajudou a colher o sangue do Flocky.

Disse para ele que estou apavorada, falo dos índices fora dos parâmetros e da tal "Trombocitose Intensa" (ô palavrão assustador!)

Ele disse para não me assustar, que pela disposição dele o quadro não pode ser tão grave; que os parâmetros constantes no resultado do laboratório são para humanos; que os números para os animais são bem mais altos; para mostrar o resultado depois para nosso vet; para tentar o celular mais tarde porque ele deve estar em deslocamento.

Já liguei uma vez: caixa de mensagens...

16/04/09 - SEQUENCIA

O vet (que é um amor de pessoa) retornou a ligação dia 14 à noite. Passei-lhe os números pelo telefone. Como a glicose está um pouco acima e os exames relativos ao fígado apresentam alterações, vai estudar a melhor dieta alimentar; como há indícios de infecção, dará um antibiótico que não prejudique a parte hepática. Aff... é um quebra-cabeças.

Ontem (dia 15) estive no consultório, onde me passou todas as precrições: antibiótico por 8 dias; ração Hepatic da Royal Canin. Entrará em contato com um especialista em oftalmologia canina que foi seu professor e mora em Pelotas (em Rio Grande só há veterinários de clínica geral). Acha baixo o índice de glicose (148) para ser o responsável pela cegueira.

Adianto que Flocky (que está comigo desde bebê) nunca comeu doces ou qualquer alimento que contivesse açúcar: sua alimentação sempre foi de ração e, esporadicamente, dava-lhe pedacinhos do peito de galinha sem tempero que sempre faço porque minha gata anoréxica (Fofa) não aceita nenhum tipo de ração. O vet disse que não há nenhuma contra-indicação.

O vet não identificou o que pode ter gerado o quadro. Adiantou-me que a taxa um pouco elevada do açúcar e mesmo a trombocitose podem ser consequencia do stress em que se encontrava no momento da coleta do sangue, pelo fato de haver andado de carro (que detesta) e frequentado por duas vezes em poucas horas o consultório veterinário.

Ontem à noite já levou a primeira espetada do antibiótico e é tão fofo que nem se mexeu ou chorou. Não gostou muito da nova ração, comeu pouco, mas com paciência acho que se chega lá.

Estou apelando a São Francisco pelo meu fofinho e aceito orações e pensamentos positivos!

9 comentários:

Tamara L. Allgäuer de Melo. disse...

JÁ FAÇO PARTE DESSA CORRENTE DE PENSAMENTO POSITIVO!!
ORAÇÕES, TAMBÉM!
GRANDE BEIJO.
E MUITA PAZ...
TAMARA - CAFÉ COM GATO.

Gata Lili disse...

Gisa e Tati,
Citei o blog de vocês na homenagem que escrevi aos blogs de gato. Vai lá no meu blog conferir!

disse...

espero que tudo se acerte!

bjo!

Gisa disse...

Obrigada garotas! Bjs

Marianne disse...

Oi Gisa! Obrigada pela visita =]

Tudo vai se ajeitar. Certeza. A gente se une aqui para fazer pensamento positivo e tudo dá certo! Continue mandando notícias, que certamente serão boas.

Bjos!

Gisa disse...

Oi Marianne; eu, Floquinho e toda a família agradecemos! Bjs

Silvia disse...

Oi Gisa!!!
poxa... estamos torcendo para ficar tudo bem logo! ainda bem que você conseguiu notar a diferença no olhinho dele, geralmente é difícil perceber o que os gatinhos tem!
Bjocas pra vocês!

CLAUDIA GOULART disse...

Estou pedidndo pr ele e espero que tudo dê certo.
Força!
bj

Gisa disse...

Oi Silvia e Claudia: Obrigada meninas!
Silvia, Floquinho é um focinho (um poodle).
Claudia, também estou pedindo pelo teu amarelinho fofo. Força para ti também.
Bjs